Marginais e vândalos fazem quebra-quebra em supermercado de São Paulo para protestar contra morte de negro e “comemorar” o dia da consciência negra

Marginais e vândalos fazem quebra-quebra em supermercado de São Paulo para protestar contra morte de negro e “comemorar” o dia da consciência negra

Vândalos invadiram uma loja do supermercado Carrefour, em São Paulo, durante um protesto contra a morte de um homem negro em uma outra unidade da rede, em Porto Alegre. A loja fica localizada na região central, próxima à Avenida Paulista, onde a manifestação se concentrou.
Agrediram pessoas, quebraram vidraças e vandalizaram destruindo o supermercado, segundo os marginais eles estavam comemorando o dia da consciência negra e protestando contra morte de um homem negro pelo segurança do Carrefour.

Leia também:

Terra Brasil Notícias