Covid-19: EUA autorizam uso emergencial de tratamento com anticorpo monoclonal

Covid-19: EUA autorizam uso emergencial de tratamento com anticorpo monoclonal

Reguladores dos Estados Unidos autorizaram, nesta segunda-feira (9), o uso emergencial do tratamento experimental bamlanivimabe – um anticorpo monoclonal desenvolvido pela famacêutica Eli Lilly & Co para combater a Covid-19.

A terapia experimental será indicada a pacientes em um estágio em que ainda não estão hospitalizados, mas que podem ser considerados em risco de doença grave devido à idade ou outras condições.

A Food and Drug Administration (FDA), agência regulatória americana, concedeu autorização de uso emergencial para o tratamento bamlanivimabe da Eli Lilly & Co, com base em dados de ensaio mostrando que uma infusão única do tratamento reduziu a necessidade de hospitalização ou visitas ao pronto-socorro em pacientes de alto risco com Covid-19.

A droga é um anticorpo monoclonal – uma classe amplamente usada de drogas biotecnológicas que, neste caso, é uma cópia manufaturada de um anticorpo que o corpo humano cria para combater infecções.

Um tratamento semelhante desenvolvido pela Regeneron Pharmaceuticals Inc foi dado ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, depois que o mandatário contraiu o novo coronavírus no início de outubro. O principal especialista em doenças infecciosas do país, Dr. Anthony Fauci, disse que isso provavelmente contribuiu para a recuperação de Trump.




Leia também:

Terra Brasil Notícias