Colégio carioca adota pronome ‘neutro’ e deixa vocabulário parecido com o de ‘Mussum’: “Querides alunes”

Colégio carioca adota pronome ‘neutro’ e deixa vocabulário parecido com o de ‘Mussum’: “Querides alunes”

No Rio de Janeiro, o Colégio Franco-Brasileiro enviou uma circular aos pais de alunos para comunicar que passará a adotar a forma “querides alunes” na sua tarefa de supostamente “combater a binariedade de gêneros, entre outras iniciativas”.

Segundo explicação da escola, a decisão faz parte da “neutralização de gênero gramatical adotando um conjunto de operações linguísticas voltadas tanto ao enfrentamento do machismo e do sexismo no discurso quanto à inclusão de pessoas não identificadas com o sistema binário de gênero”.

Eles também citaram como exemplos a substituição de “queridos alunos por querides alunes”, já que a mudança “passa a incluir múltiplas identidades sob a marcação de gênero ‘e’”.

No entanto, o colégio deixou claro que “essa iniciativa não configura, absolutamente, a obrigatoriedade da adoção de estratégias de neutralização do gênero” por parte dos alunos e professores, “até mesmo porque a normatividade linguística inerente à redação de documentos oficiais ainda configura certa restrição a esses usos”.

Leia também:

Terra Brasil Notícias