Lava Jato pede à Justiça que retome ação contra Serra por propina da Odebrecht

Lava Jato pede à Justiça que retome ação contra Serra por propina da Odebrecht

A Operação Lava Jato recorreu nesta quarta-feira (12) para que a Justiça Federal de São Paulo retome a tramitação de uma ação penal contra o senador tucano José Serra.

Réu, ele é acusado de ter recebido propinas da Odebrecht quando era governador do Estado. Em troca, Serra supostamente beneficiou a empreiteira em contratos referentes às obras do Rodoanel, de 2006 a 2007.

Contudo, a ação penal contra o senador foi paralisada depois da decisão liminar proferida pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli.

Os procuradores da Lava Jato argumentam, porém, que o entendimento do ministro do STF ordena apenas a paralisação das investigações. E não de ações penais já abertas na Justiça. “Ação penal, como se sabe, não é investigação em curso, havendo, desde o oferecimento da denúncia, uma nova fase processual, vez que o órgão de acusação já formou a sua convicção”, sustenta o recurso oferecido à 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo.

A força-tarefa garante que, dessa forma, não se pode ampliar o significado da palavra ‘investigação’ de modo a abranger uma ação penal já em trâmite.

Créditos: Gazeta Brasil

Leia também:

Terra Brasil Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.