CPI NA ASSEMBLÉIA ABRE INVESTIGAÇÃO CONTRA GOVERNO DORIA POR GASTOS EM PROPAGANDAS

CPI NA ASSEMBLÉIA ABRE INVESTIGAÇÃO CONTRA GOVERNO DORIA POR GASTOS EM PROPAGANDAS

Deputados da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga disseminação de notícias falsas durante as eleições de 2018 aprovaram, nesta sexta-feira (28), uma solicitação para que a Secretaria de Comunicação do Estado de São Paulo forneça os dados referentes aos contratos de publicidade firmados pelo governo. O pedido foi feito pela deputada Janaína Paschoal (PSL).

Conforme consta no requerimento, o Governo deve fornecer informações sobre os valores pagos nos anos de 2018, 2019 e 2020 para as empresas Máquina da Notícia Comunicação, Lua Propaganda, Agência Mood, Lew Lara/TBWA Publicidade e Propaganda e Z515 Propaganda.

A deputada afirma que grandes veículos de imprensa teriam recebido valores irrisórios da publicidade estatal, enquanto empresas desconhecidas teriam recebido grandes somas no período de 2018 a 2020. Paschoal afirmou que pretende saber se essa publicidade interferiu no resultado das eleições de 2018.

“Eu percebi que estamos solicitando todas essas informações no âmbito federal, mas não solicitamos no âmbito estadual, até para saber que agências e veículos receberam dinheiro na época da campanha de 2018 aqui em São Paulo”, explicou.

O pedido foi aprovado por 4 votos a 1. Apenas o deputado Paulo Fiorilo (PT) foi contra a medida. As investigações serão realizadas nos mandatos dos ex-governadores Geraldo Alckmin (PSDB), Márcio França (PSB) e João Dória (PSDB).




Leia também:

Terra Brasil Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.