Israel desenvolveu teste para COVID-19 através de um bafômetro com 90% de confiabilidade

Israel já está utilizando do seu forte poder tecnológico para combater o coronavírus. O pesquisador israelense Gabby Sarusi, da Universidade Ben-Gurion do Negev, em Israel, desenvolveu um bafômetro capaz de identificar pessoas infectadas com o vírus, em apenas um minuto. As boas relações entre Bolsonaro e o governo do país, podem agilizar a chegada deste mecanismo no Brasil.

De acordo com testes, o dispositivo tem precisão acima de 90%. Desenvolvido em Israel, o aparelho é composto por 1 kit acoplado a uma cápsula que contém 1 chip eletrônico com milhares de sensores, utilizados para a identificação.

Assim como no bafômetro, para fazer o teste a pessoa deve soprar o dispositivo, mas este requer uma duração por quase 1 minuto. As partículas da respiração são analisadas pelos sensores e, em 20 segundos, fornece o resultado positivo ou negativo do teste, mesmo que a pessoa seja assintomática.

A chegada de um teste com praticidade pode acelerar a retomada da economia e facilitar com que a população receba o tratamento devido para a doença.




Leia também:

Terra Brasil Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.